Sábado, 04 de Dezembro de 2021
Covid-19 CORONAVÍRUS

Taxa de positividade para Covid volta a subir no Piauí

A Organização Mundial de Saúde estabelece que o controle da doença se dá com uma taxa de 5%. Ainda segundo a OMS, no atual contexto da vacinação, com parte da população já imunizada, essa taxa representa o principal indicador de acompanhamento da pandemia.

24/11/2021 às 10h57
Por: Ronaldo Mota Fonte: Cidade Verde
Compartilhe:
Taxa de positividade para Covid volta a subir no Piauí

A taxa de positividade para Covid-19 no Piauí, medida pelo exame RT-PCR, aumentou 17% e encontra-se hoje no perigoso índice de 25%. Foi a terceira semana epidemiológica consecutiva com registro de crescimento.  A Organização Mundial de Saúde estabelece que o controle da doença se dá com uma taxa de 5%. Ainda segundo a OMS, no atual contexto da vacinação, com parte da população já imunizada, essa taxa representa o principal indicador de acompanhamento da pandemia.

Esses números se traduzem na elevação do número de pacientes internados por Covid. Os dados levantados pela Sala de Situação UFPI-Fiocruz mostram que o índice de ocupação de leitos de UTI já chegou a 100% na região do Vale do Canindé; 90% no Vale do Rio Guaribas; e 80% no território de Cocais. Teresina está compreendida em uma região com taxa de ocupação que varia de 50% a 75%.

A situação, portanto, exige um olhar vigilante e a manutenção rigorosa de todas as formas de controle da doença já conhecidas até aqui, como a vacinação completa com as duas doses ou dose única, uso de máscara obrigatório e distanciamento social. A proximidade do fim de ano leva a uma preocupação adicional por causa das festas realizadas neste período.

É bom olhar para o que está acontecendo na Europa, a exemplo da Áustria, Alemanha e Itália. Na Áustria, o governo voltou a decretar lockdown completo por dez dias para tentar conter a nova onda da doença. As autoridades alemãs estão assustadas com o crescimento de novos casos e, também, já estudam medidas para conter a expansão do novo coronavírus. Quem tem juízo coloca as barbas de molho para não repetir aqui o problema vivido no continente europeu.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.