Quinta, 27 de Janeiro de 2022
Polícia ASSASSINATO

Castelense é morto com golpe de faca no estado do Pará

O corpo será trazido para a cidade de Castelo do Piauí, onde deverá ser velado na casa de familiares no bairro Mutirão.

01/01/2022 às 20h23 Atualizada em 01/01/2022 às 21h51
Por: Ronaldo Mota
Compartilhe:
Castelense é morto com golpe de faca no estado do Pará

O castelense Francisco Gilmar Cardoso foi morto com um golpe de faca na garganta, nas festividades de Ano Novo, por volta de 3h30, na Rua Caiapós, Bairro Laranjeiras, em Marabá, no sudeste do Pará. O suspeito do crime é o seu colega de trabalho conhecido por Mateus.

As primeiras informações indicam que os dois estavam em uma confraternização e iniciaram uma discussão relacionada a volta ao trabalho, neste sábado (1). Os ânimos se acalmaram, mas o assassino deixou a vítima se distrair e aplicou uma facada mortal na garganta do colega de trabalho.

Gilmar trabalhava como pedreiro e Mateus o auxiliava como servente. Eles estavam trabalhando na reforma de uma casa próximo ao local do crime.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado, mas o rapaz já estava morto, no Núcleo Cidade Nova.

Segundo testemunhas, Mateus teria premeditado a morte de Gilmar, pois ele teria ido ao local onde estava hospedado, depois da confusão, pegou seus pertences e colocou em uma mochila. Depois de matar a vítima, o suspeito empreendeu fuga, tomando rumo ignorado. Ele é natural do estado do Maranhão.

Acusado (Mateus).

A Polícia Militar foi acionada para preservar o local de crime. O Instituto Médico Legal (IML) removeu o corpo do local. A Polícia Civil Investiga o caso. 

O corpo será trazido para a cidade de Castelo do Piauí, onde deverá ser velado na casa de familiares no bairro Mutirão.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.