Quinta, 27 de Janeiro de 2022
Geral COMBUSTÍVEL

Novo aumento dos combustíveis mostra que culpa não é dos governadores, diz Wellington Dias

?A Petrobras informou que aumentará os preços do diesel nas refinarias em 8% a partir de quarta-feira (12), enquanto a gasolina vendida às distribuidoras terá aumento médio de 4,85%, de acordo com nota publicada pela companhia nesta terça-feira (11).

12/01/2022 às 09h39
Por: Ronaldo Mota Fonte: Cidade Verde
Compartilhe:
Novo aumento dos combustíveis mostra que culpa não é dos governadores, diz Wellington Dias

Coordenador do Fórum de Governadores, Wellington Dias (PT-PI) diz que o novo aumento dos combustíveis deixou claro que a responsabilidade pela alta de preços é da Petrobras.

A Petrobras informou que aumentará os preços do diesel nas refinarias em 8% a partir de quarta-feira (12), enquanto a gasolina vendida às distribuidoras terá aumento médio de 4,85%, de acordo com nota publicada pela companhia nesta terça-feira (11).

O diesel passará de R$ 3,34 para R$ 3,61 por litro, enquanto a gasolina subirá de R$ 3,09 para R$ 3,24 por litro.

"Cada vez mais claro, quem faz subir o preço dos combustíveis no Brasil são os aumentos da Petrobras. Sempre sustentamos que o valor do combustível tem a ver com a dolarização do petróleo e a vinculação feita no Brasil. Congelamos por 90 dias o ICMS e mesmo assim os aumentos continuam", afirma o governador do Piauí.

"A ausência de uma proposta sustentável por parte da Petrobras e Ministério da Economia leva a esta instabilidade nos preços", completa Dias, que também é presidente do Consórcio Nordeste.

Os governadores são rotineiramente responsabilizados pelo presidente Jair Bolsonaro (PL) de serem os culpados pelos reajustes, em razão da incidência de ICMS.

 

Fonte: Folhapress/Fábio Zanini

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.